img
03OUT2018

Semana Agronômica discute os desafios de manejo em cultivos de alta performance


Trazendo novos conhecimentos para a área agrícola e favorecendo a troca de experiências, o Diretório Acadêmico César da Cunha Bastos da Faculdade de Agronomia da Universidade de Rio Verde – UniRV promoveu nesta terça-feira, 02, no auditório do Bloco Administrativo, a abertura da 16ª Semana Agronômica (Seagro) com o tema “Desafios de manejo em cultivos de alta performance”.

O evento, distribuído em palestras e painéis ministrados por renomados palestrantes de diversas instituições de pesquisa do país, será realizado até sexta-feira, 05, reunindo nas discussões o que há de mais atual na agricultura de alta performance no Brasil. A abertura contou com a presença do Reitor, professor Dr. Sebastião Lázaro Pereira, de acadêmicos, docentes, produtores rurais, pesquisadores, empresários, consultores e profissionais da área para o aprimoramento dos principais caminhos a serem seguidos para fortalecer o setor produtivo.
 
Compuseram a mesa de honra, o Vice-Reitor, professor Me. Leonardo Veloso do Prado; o Pró-Reitor de Pós-Graduação; professor Dr. Gustavo André Simon; o Pró-Reitor de Pesquisa e Inovação, professor Dr. Eduardo Lima do Carmo; a Pró-Reitora de Graduação, professora Ma. Helemi Oliveira Guimarães de Freitas; o Pró-Reitor de Assuntos Estudantis, professor Me. Nagib Yassin; o Pró-Reitor de Administração e Planejamento, professor Me. Alberto Barella Netto; a diretora da Faculdade de Agronomia, professora. Ma. Laura Bonifácio Guimarães; o coordenador da 16ª Seagro, professor Dr. Alberto Leão de Lemos Barroso; e o secretário da Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Rio Verde, Gerlos Mendonça de Morais, representando o prefeito da cidade, Dr. Paulo Faria do Vale. Em seguida, representantes do Diretório Acadêmico fizeram a entrega de homenagens aos membros da mesa e ao Reitor.

Em entrevista à Assessoria de Comunicação, o Reitor da UniRV, professor Dr. Sebastião Lázaro Pereira afirmou que as demandas mundiais e a necessidade de ser cada vez mais eficiente no mundo dos negócios exige a participação de um profissional capacitado para a gestão de recursos e de conhecimento. “Não é exagero dizer que o número expressivo de profissionais formados por esta Instituição constitui-se em um dos principais fatores do vigoroso desenvolvimento da produção agropecuária nacional nas últimas décadas”, disse. Ele abordou ainda os diversos projetos/investimentos realizados visando o desenvolvimento da Faculdade de Agronomia, como o novo pivô central que já foi adquirido. “Estamos trabalhando para que vocês, como estudantes, possam contar com o que há de melhor durante a formação, e assim, contribuir para que a sociedade ganhe com profissionais altamente capacitados”, salientou.

Segundo a diretora da Faculdade de Agronomia, professora Ma. Laura Bonifácio Guimarães, a presença de profissionais renomados de várias partes do estado e do país, em contato com os agrônomos da região, possibilita novas tecnologias ao desenvolvimento da produção agropecuária. “Sabemos que o vigor da agricultura brasileira é fundamental para a recuperação da economia nacional. É necessário reconhecer a importância da realização desta 16ª Semana Agronômica num momento em que passamos por instabilidades”, salientou. Ela afirmou ainda que manter as atividades do curso de Agronomia e ampliar suas diferentes frentes de atuação, em sintonia com as transformações atuais e novas demandas sociais, são os grandes desafios a serem enfrentados pelos diretores e professores.

O palestrante da noite

A palestra magna “Um caminho de Amor” foi proferida pelo padre Vanderlei Souza da Silva. Ele é graduado em Filosofia pela Universidade de Passo Fundo (UPF); bacharelado em Direito pela Universidade Regional do Vale do Rio Uruguai, em Frederico Westphalen (RS); e pós-graduado em Direito e Processo do Trabalho pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). O noviciado ocorreu na capital gaúcha, Porto Alegre, e os estudos em Teologia foram realizados em Santo Ângelo (RS), no Instituto Missioneiro de Teologia, sendo ordenado presbítero em 2002. Atuou como Vigário Paroquial na Missão em Carauari e Itamarati, na Paróquia São José Operário, de Maravilha (SC) e na Paróquia São Carlos Barromeu (SP). Foi pároco em Caibi (SC) e Mecuburi, na Diocese de Nampula (África). Atualmente é padre na Paróquia Nossa Senhora das Dores e na Paróquia São Francisco de Assis, em Rio Verde. Ele também é autor do livro “Minha caminhada, minha vida”.

Confira a programação para os próximos dias. 

Commentários

Adicionar Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos Obrigatórios *