Reitor fala da importância do 4º Politizar durante entrevista à TV Assembleia

Publicado em: 19-03-2019


O Reitor da Universidade de Rio Verde – UniRV, Dr. Sebastião Lázaro Pereira, Professor Tatão concedeu na manhã desta terça-feira, 19, uma entrevista à TV Assembleia para falar sobre o Projeto Politizar e colocar a Instituição à disposição para divulgar a edição deste ano em todos os câmpus. “É uma oportunidade para jovens de todas as idades, que tenham finalizado o ensino médio, atuar como deputados estaduais, assessores parlamentares e jornalistas políticos durante atividades simuladas na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego). A UniRV será parceira na divulgação do projeto”, ponderou o Reitor.

O Politizar é um projeto de extensão que conta com apoio da Faculdade de Ciências Sociais, da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UFG e da Escola do Legislativo, da Alego. Seu objetivo é aprimorar a relação entre o Estado e a sociedade civil, e promover experiências práticas sobre a política brasileira, por meio de uma vivência que simula atividades cotidianas de deputados estaduais, assessores de comunicação e jornalistas políticos, dentro da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás. 

Podem participar jovens de todas as idades que tenham terminado o ensino médio. As inscrições podem ser feitas gratuitamente, via formulário on-line, até o dia 29 de março, e o resultado da seleção será divulgado no dia 22 de abril. Após o processamento de inscrições, a equipe organizadora entrevistará todos os inscritos, de 8 a 12 de abril, e divulgará o resultado final da seleção no dia 22 do mesmo mês. A terceira etapa do projeto é o treinamento, que ocorrerá de 2 a 4 de maio, na Alego. Nesta fase, os jovens simulandos participarão de palestras e workshops para otimizarem sua compreensão sobre o processo legislativo brasileiro. Por fim, no período de 12 a 16 de junho, ocorrerá a última e mais esperada etapa do Politizar: a simulação.

A simulação é composta por reuniões partidárias, votação dos projetos de lei em plenária, avaliação dessas proposições nas comissões temáticas e eleição para presidência da Alego. Além disso, os participantes participarão de entrevistas para a imprensa interna e externa e para a TV Alego. Durante o programa, os simulandos deputados vão desenvolver esses projetos de lei fictícios e defender a aprovação dos mesmos nas sessões de votação do evento. Já os assessores vão aprender a cuidar da imagem e divulgação dos trabalhos do seu deputado. Por fim, os jornalistas irão reverberar o cotidiano da simulação em notícias e reportagens orientadas por uma equipe especializada.